Crochê no verão: dicas para elas usarem durante o verão

Saiba como combinar essas peças mesmo na estação mais quente do ano.

Publicado em 16/01/2024 por Rodrigo Duarte.

Anúncios

O crochê é um dos tipos de costura mais popular do Brasil. Ao longo de décadas era considerado como uma verdadeira tradição que eram passadas de geração em geração dentro das famílias, tanto daquelas que trabalhavam de forma profissional como costureira como também para as pessoas que apenas que gostam de produção manual.

Crochê no verão: dicas para elas usarem durante o verão

Este tipo de costura é feita a partir de uma agulha, que acaba sendo utilizada para gerar o tecido a partir de laços de fios. E essa característica acaba tornando o crochê algo realmente muito interessante do ponto de vista da costura, uma vez que tudo o que as pessoas precisam fazer para produzir desde as peças mais simples até as mais complexas, é uma agulha com um gancho na ponta e as linhas.

As pessoas que realmente dominam a técnica do crochê afirmam que é possível fazer basicamente tudo a partir deste estilo de costura. As pessoas pensam geralmente nas peças de roupas, mas existem até mesmo acessórios e alguns elementos úteis, como bolsas.

Anúncios

Mas são nas roupas que o crochê geralmente acaba aparecendo com mais frequência. E os resultados acabam sendo tão versáteis que existem coleções de crochê que aparecem em todas as estações do ano. Mas normalmente elas acabam aparecendo com mais frequência no período do ano mais quente, como primavera e verão.

Para as mulheres que desejam combinar diferentes roupas e elementos de crochê para usar durante o verão, confira algumas dicas:

Aposte nos conjuntinhos

Anúncios

Uma das apostas mais interessantes para quem deseja utilizar determinadas peças de roupas de crochê é apostar nos conjuntos, pois eles costumam cair muito bem, ao mesmo tempo que as pessoas não erram em termos de combinação. Eles podem ser encontrados das mais variadas formas, sendo que aos mais comuns durante os dias mais quentes do ano é os que combinam top e saia ou top e shortinho.

Ouse nas blusinhas de alcinha

São diversas as peças de roupas que podem ser encontradas feitas com a técnica do crochê, mas as blusinhas costumam ser as mais comuns. Por isso, uma dica é procurar por modelos de cortes que sejam mais interessantes e ousados, justamente para não correr o risco de acabar ficando com um look muito parecido. As blusinhas de alcinha acabam sendo uma excelente pedida para se manter fresco. E existem diferentes modelos que podem ser utilizados, como os que trazem opções de cortes diferentes. Além disso, essa também pode acabar se tornando uma excelente forma de brincar com as texturas.

Biquinis também podem ser feitos de crochê

O crochê também pode ser utilizado na beira da praia ou da piscina. Os biquinis de crochês voltaram a ser considerados como itens da moda da retro. Há algumas décadas atrás a grande maioria dos biquinis que podiam ser encontrados nas regiões de litorâneas de diversos países do ocidente era feito de linhas a partir da técnica de crochê. Hoje em dia estes itens acabaram retornando, com os mais variados modelos e cortes. E muitos deles acabam passando por alguns processos que tornam eles mais resistentes ao que acontece nestes locais, como o excesso de umidade, vento e poeira.

Escolha as saias de rede

Estes modelos de saia também acabam se tornando pedidas muito interessantes durante os dias mais quentes do ano, pois realmente permite que as mulheres consigam mais frescor na sua combinação de roupas. Mas ela também traz um efeito muito interessante que permite que elas sejam utilizadas nos mais variados locais, especialmente dentro de um ambiente litorâneo. Ou seja, elas podem sair da beira da praia para ir até um restaurante ou ainda alguma loja tranquilamente utilizando essas saias.

Utilize nas saídas de praia

Falando justamente no momento em que as mulheres saem da beira da praia, as peças que acabaram sendo chamadas de saídas de praia acabam sendo muito úteis, e elas podem acabar sendo encontradas feitas a partir das técnicas de crochê. Neste caso, uma dica muito interessante para não errar é apostar naquelas peças que são consideradas como de amarração, sendo que elas podem ser mais longas ou mais curtas, de acordo com a preferência de cada.

ESCRITO POR: Rodrigo Duarte - Jornalista formado pela Universidade do Vale do Rio dos Sinos (Unisinos), com especialização em Marketing Digital.